10 Newsletters Literárias
On July 16, 2020 | 0 Comments

Newsletters literárias, Boletins ou Mailzines

Quando comecei a pensar na Gazeta Ordinária, fui em busca de referências sobre o que outros autores andavam fazendo em suas newsletters e para minha surpresa descobri que não haviam tantos autores investindo no formato quanto eu imaginava.

Entre os nomes que encontrei, alguns novatos e muitos autores da era dos mailzines, publicações periódicas distribuídas por email, como o clássico CardosOnline, que em seu auge chegou a contar com mais de 5 mil assinantes e revelou nomes importantes, como Daniel Galera, Daniel Pellizzari e Clara Averbuck.

Enquanto os autores apostam em uma linguagem mais confessional de carta, ou diário, se aproximando do seu público com pensamentos e impressões sobre o dia-a-dia, as editoras continuam apostando no mesmo formato de mala-direta, com notícias e promoções por quem pouca gente se interessa. A excessão, talvez, seja feita a Companhia das Letras que lançou recentemente sua newsletter “Contém um conto”, que promete enviar um conto completo por email e que até o momento se dedicou aos contos clássicos em domínio público (ou seja, nada de novo).

Muito além da literatura “cult”

Quem usa e abusa do formato, nadando de braçada com conteúdo original, envolvente e absolutamente constante é a Faísca, newsletter com flash fictions, da Mafagafo Revista, com publicações de fantasia, ficção científica e realismo mágico. A publicação se inspira em publicações estrangeiras, como Daily Science Fiction e EverydayFiction.

Entre os autores da nova safra, a tendência é um misto de carta aberta e mala direta. Em busca de espaço, os autores procuram atrair seus leitores através de conteúdo original e exclusivo, mas sem deixar de lado a divulgação do próprio trabalho.

Sobre o conteúdo original, tem para todos os gostos. Anna Fagundes dá dicas de escrita para escritores e fala sobre o seu dia-a-dia como autora e editora da Dame Blanche, Aline Valek intercala suas bobagens imperdíveis com fotografias, crônicas do seu dia e um apanhado de links seus espalhados pela internet. No boletim da Claudia Lemes você encontra parte da sua pesquisa sobre crimes e assassinos seriais, que ela usa para construir seus livros policiais. Nikelen Winter debuta nesta lista prometendo uma newsletter sobre temas variados, dicas de lançamentos, processo de escrita e curiosidades sobre suas pesquisas, além de fotos de gatinhos.

Em uma internet cada dia mais limitada pela curadoria suspeita dos algoritimos, o movimento dos boletins literários parece uma tentativa de retomar as origens, devolvendo ao público sua escolha de leitura. Você assina somente o que quer ler e lê apenas quando sente vontade. Sem a pressão e o imediatismo de uma timeline que está em constante atualização, devolvendo ao leitor o controle do seu tempo.

Old Newspapers Newspaper Vintage  - Nietjuh / Pixabay
Nietjuh / Pixabay

Trabalho sujo

Se você sentiu curiosidade sobre algum desses autores, aqui vai a lista de 10 newsletters literárias que você precisa conhecer.

Aline Valek (Bobagens Imperdíveis): Notícias sobre os eu cotidiano de escritora, fotografias e ilustrações. Entre as crônicas tem fragmentos de trabalhos em andamento e divulgação de alguns links.

Anna Martino (Anna Dixit): Além de reflexões sobre seu trabalho como editora, escritora e tradutora, também dá dicas para autores iniciantes e exercícios de escrita bastante divertidos.

Claudia Lemes (Crime Scene Lovers): Dedicada a histórias reais sobre crimes e serial killers, repertório que a Claudia domina como poucos.

Daniel Galera (Dentes Guardados): Se tornou uma espécie de diário da quarentena, ou um relato sobre as suas dificuldades para continuar escrevendo nos tempos em que vivemos.

Daniel Pelizzari (1999): Notícias sobre lançamentos do autor e tradutor, além de comentários sobre o dia a dia e fragmentos de ficção.

Nikelen Witter (Nikelen Witter): Provavelmente a Newsletter mais recente desta lista, promete assuntos diversos, espaço para resenhas e para o trabalho de Nikelen como pesquisadora.

Simone Campos (Tenho dito): Entre a crônica e a ficção, Simone envia notícias sobre si e pequenos textos ficcionais.

Carol Bensimon (The Tallest Tree): Um caderno de viagem sobre suas andanças pelo mundo, encontro com outras pessoas e paisagens, além é claro de alguns fragmentos de ficção em que ela está trabalhando.

Mafagafo Revista (Faísca) : Toda segunda feira, religiosamente, duas ficções inéditas no seu email. Textos rápidos de escritores diversos, com uma curadoria para lá de bem feita.

Companhia das Letras (Contém um conto) A newsletter da companhia que promete enviar de vez em quando um conto para seu email. Por enquanto contos clássicos, mas espero que abra espaço para inéditos do catálogo da editora.

Bonus

Diego Guerra (Gazeta Ordinária): Para quem ainda não assinou. Minha Newsletter está no ar a cada 15 dias, com algumas reflexões sobre a escrita e o dia-a-dia, além de uma ficção inédita de fantasia, horror ou ficção científica.

Sentiu falta de algum boletim? Deixe nos comentários para quando eu for organizar a segunda parte.

Leave a Reply

More news
%d bloggers like this: